top of page

Pornografia Ética



“Até que a porno nos separe”


Bem, não há dúvida que a pornografia tem uma péssima reputação. E o consumo de pornografia quando se está numa relação, pior ainda. Cerca de1/3 das mulheres americanas casadas vêm a pornografia como uma espécie de traição e, para muitos a pornografia é entendida como algo que objetifica e degrada. Mas não tem que ser assim… A imagem que temos da pornografia é de fato degradante, e muito por culpa de uma plataforma que começa por Porn e acaba em hub.


Não vu entrar em pormenores sobre os motivos que nos levam a consumir pornografia. Dentro de uma relação a pornografia (que pode ser escrita, visual ou auditiva) pode trazer benefícios para o casal (PMID 28813295), mas sem dúvida que grande parte da literatura científica se tem focado nos seus potenciais deletérios. E um dos principais motivos pelos quais a pornografia pode ser prejudicial para uma relação é porque frequentemente consumimos em segredo, como se de um pecado se tratasse.


O que é?

Pornografia ética é uma pornografia desenvolvida com o objetivo de fugir ao porn mainstream que está muitas vezes associado a misoginia, violência, coação e desrespeito às mulheres e aos seus corpos.

Também é conhecida por pornografia feminista ou fair trade porn.


Atores e produtores são pagos de uma forma justa

Todos os envolvidos na produção dos conteúdos são pagos devidamente, evitando qualquer tipo de exploração. Por este motivo, regra geral, a visualização destes conteúdos também é paga (compreende-se).


É feita num ambiente seguro e todos os intervenientes são tratados com respeito.


Mostra de forma realista como é o prazer sexual

Esqueçam os orgasmos em 1 minuto e a lubrificação instantânea. Aqui o prazer é mostrado de forma a que nos possamos identificar: por vezes é lento, pode ser desengonçado, há risos envolvidos e há (ou pode haver) proximidade entre os envolvidos.


Mostra diversos tipos de corpos, raças, idades, orientações sexuais e capacidades físicas

Quanto mais inclusive, melhor! Até porque é bom vermos alguém semelhante a nós nos filmes eróticos.


A solução disto tudo não estará em banir a pornografia das nossas vidas, mas sim torna-las mais realista e menos objetificadas das mulheres, menos obscura e mais inclusiva. Isso já existe e chama-se pornografia ética.


Exemplos de sites de pornografia ética:

  • Bellesa

  • PinkLabel TV

  • Lust Cnema

  • Dipsea

Dra. Mafalda Cruz, Medicina Sexual



7 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


LWP_Logo_250_250.png
bottom of page