top of page

Paulo Duarte, de Comissário de Bordo a Jesuíta



Paulo Duarte, nasceu em Portimão e tem 43 anos, jesuíta e padre. Filho único, mãe e pai ligados à hotelaria, Paulo cresceu a querer ser veterinário. A família era católica pouco praticante, tirando a avó Constança, uma alentejana de Odemira. Em criança era tímido e sofreu de bullying. Foi preciso chegar a adulto e a estudante de Teologia em Madrid para começar a fazer terapia e compreender de que modo o bullying lhe tinha marcado a alma, muito mais do que o corpo.

Mas este não é um padre comum, Paulo Duarte pertenceu à aviação civil antes de se decidir pela vida religiosa (a sua primeira missa foi em 2014).

Paulo fez os votos de pobreza, castidade e obediência, num importantíssimo passo de entrega da sua vida. A sua avó Constança morreu neste dia, no final de cerimónia.

São muitas as pessoas que o acompanham diariamente: em aulas, em conversas, em celebração de missa e reconciliação. A presença nas redes sociais e ocasionalmente em programas televisivos permite uma comunicação ampla com a sociedade atual.


Nesta entrevista ao Love with Pepper, o Padre Paulo Duarte, fala-nos como foi entregar-se a Deus, como é a vida de um Jesuíta e a sexualidade na religião.


Paulo Duarte, Padre Jesuíta




248 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


LWP_Logo_250_250.png
bottom of page