top of page

Flirt Virtual




A adrenalina e o entusiasmo produzidos pelos flirts online, emitem uma sensação de transgressão segura, ou seja, de que está a fazer algo que viola o acordo da sua relação, mas como é na net e não há sexo, não é bem uma traição. Será?

Tendemos a pensar na infidelidade como algo que envolve sempre contacto físico e/ou sexual. Mas nos relacionamentos amorosos em que há um compromisso, “trair” não se resume apenas a envolvimento físico com terceiros. Essencialmente, resume-se a quebrar a confiança.


Este tipo de infidelidade virtual, é um tipo particular de intimidade secreta e sustentada com alguém que não é o parceiro principal. Ocorre quando uma pessoa toma a decisão unilateral de cultivar intimidade não sexual com alguém que não seja o companheiro e, sublinhe-se, de uma forma que enfraquece e prejudica a relação.


Como este tipo de traição pode parecer “inócua” vista de fora, por vezes, é difícil perceber o que está a acontecer. Mas sempre que fazemos algo oculto que sabemos magoar o outro, então estamos a comprometer dois valores essenciais em todas as relação humanas: lealdade e fidelidade.


Dra. Andreia Lourador, Psicóloga Clinica

100 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


LWP_Logo_250_250.png
bottom of page